Musicas

segunda-feira, 9 de julho de 2012

ESPIRITUALIDADE & SEXUALIDADE


Espiritualidade & Sexualidade

Só estamos no planeta graças a sexualidade, a reencarnação é feita através da reprodução sexual onde ocorre a fertilização do óvulo que se transforma em um embrião, é quando nosso espirito se une ao feto iniciamos a jornada terrestre neste planeta escola, com o intuito de cumprirmos nossas tarefas de aprendizado na busca da iluminação.

Mas como todo aprendiz, falhamos várias vezes no caminho, e nossas falhas mais comuns se dão ao abríamos a boca e usarmos palavras de forma errôneas, as quais provocam feridas irreparáveis. 

"As feridas produzidas por palavras demoram mais tempo para cicatrizar que as feridas do corte de uma faca".

Como aprendizes, alguns abusam na ingestão de alimentos e bebidas alcoólicas, outros consomem drogas alucinógenas que maltratam o corpo com doenças as vezes fatais, refletindo diretamente em toda a família, trazendo ao espirito muitas mazelas.

Mas nosso alerta é sobre os perigos da sexualidade, não focando o conceito pecado, mas sim o da inteligência, pois o comportamento sexual pode ser o maior abismo para o espirito nos dias atuais.

É fato que não estamos mais conseguindo controlar os desejos sexuais e a cada dia a sexualidade ou a volúpia sexual passa a ser um dos nossos maiores problemas para evolução espiritual.
A internet, hoje o maior meio de comunicação da sociedade esta inundadas de vídeos pornográficos, os quais são hoje a base da iniciação e orientação sexual dos jovens, onde a relação sexual passa a ser desfocada de sentimentos e respeito. 
O foco esta na promoção da sensualidade, incentivando as relações homossexuais, orgias e fetiches, promiscuidade, prostituição e etc. A banalização da sexualidade, transformada em vulgaridade e essas relações afetam o emocional e racional de forma direta, provocando o vício sexual dos envolvidos, trazendo no primeiro momento um grande vazio.

E a forma que parece resolver o vazio é com mais sexo e com mais parceiros, como se o volume fosse resolver, afinal em uma “parceira” eu gosto dos olhos, em outra, da boca.., enfim justificamos sempre nossas ações.

O “sexo por sexo” esta se tornando algo comum, distanciando as pessoas dos verdadeiros sentimentos. Esse comportamento gerou um sentimento geral de descrença, broqueando as emoções, freando e não deixando o amor brotar, o medo de amar e sofrer decepção criou um mecanismo de defesa, dando espaço ao sexo casual.

Neste cenário estamos nos reproduzindo e trazendo novos bebês para famílias desestruturadas que dificulta ainda mais a tarefa de criar nossos filhos. Afinal se o sexo é casual, o filho é casual?

O sexo e o pensamento:  Este é o principio de tudo, a imaginação.

Estamos dando asas à sensualidade e a sexualidade, fazendo calar o amor. O amor massageia a alma, enche de brilho e significado a vida.  

Não somos animais irracionais, saímos das cavernas e evoluímos aprendemos a usar nossa inteligência, sabemos pensar. Portanto somos capazes de controlar nossos instintos e ou paixões inferiores.

“Não podemos controlar nossos desejos, mas podemos controlar nossas atitudes”.

É pelo pensamento que controlamos, disciplinamos e governamos nossos impulsos sexuais, alguns falam que agora é moda... É “ficar” e não importa se é com o sexo oposto ou não, sem compromisso ou sentimento, o chamado sexo casual ou por acaso.

A liberdade esta sendo confundida com libertinagem, e sem falsa moral, sabemos que esse tipo de relacionamento não deixa nada além de decepções, sendo que espiritualmente as consequências são maiores.

Ao manter relações sexuais com outra pessoa você, troca “fluidos”, os quais ficam registrados em seu DNA corporal e em seu DNA espiritual, a cada novo parceiro seu cheiro muda a mistura das essências são alteradas, as relações sexuais são emoções sensoriais e seus campos vibratórios podem ser medidos a grande distancia, e tão poderosa que gera outra vida.


Seja esta nova vida, fruto de um amor verdadeiro ou de uma aventura de carnaval ou até mesmo em um ato de covardia e abuso em que o homem usa da força contra a mulher.

Desta forma ao trocar “fluidos” com pessoas que podem vibrar em sintonias mais densas e baixas que as suas trazem consequências além do plano físico, sendo que a porta de entrada pode ser uma noite descontraída e despreocupada em uma balada.

Ao vibrarmos em uma sintonia nos faz aproximar de pessoas que naquele momento vibram na mesma sintonia, seja esta pessoa encarnada ou desencarnada.

As pessoas encarnadas que compartilham dos mesmos “gostos ou vícios” já seriam uma dificuldade iniciar um distanciamento pelas afinidades, mas se fossem somente as pessoas encarnadas você teria mais facilidade em lutar contra seus desejos e impulsos.

Ao entrar num ciclo vicioso de relações sexuais, na busca do prazer, “sem preconceitos”, como é colocado por pessoas que ajudam a promover o sexo, não imaginam que estas relações sexuais os espíritos desencarnados estão ali presentes vibrando em conjunto com as pessoas encarnadas para poderem sentir as sensações “carnais” as quais os espíritos desencarnados não mais possuem as “carnes” ou corpo para sentir tais sensações, e se utiliza do seu corpo para sentir com você o prazer sexual, ou o prazer da carne.

A sintonia com os espíritos desencarnados que vibram na sintonia “sexual” na busca do prazer carnal de baixa vibração é o maior problema que uma pessoa pode enfrentar, existem vários tipos de obsessores e estes espíritos podemos classificar como um dos mais complicados obsessores, afinal eles não deixam seus obsidiados cansados, depressivos, pelo contrario, deixam normalmente agitados, encontram desculpas para qualquer situação, traem seus parceiros a metros de distancia, aumentando a excitação e sem sentir culpa, tudo vira fantasia e prazer.

E a todo o momento encontra pessoas no mesmo campo vibratório, mas nunca imagina que estas tais “coincidências” são na maioria das vezes as ações dos espíritos desencarnados.

Os obsidiados passam a serem vitimas de “espíritos desencarnados”, que ocupam seu tempo somente com a sede do sexo e o prazer carnal, e cada pessoa sabe dos seus limites e as suas guerras internas, mas dificilmente acreditará que é uma vitima desses espíritos, em contra partida, poderá fazer uma lista de vários amigos que acreditam que possam ser vitimas.

As pessoas de “cabeça aberta”, os moderninhos sem preconceitos, podem cair em um precipício sem fundo que poderão durar centenas de anos e encarnações seguidas tentando se livrar dessa verdadeira cadeia de vícios que consumirá muita energia e dedicação para livra-se desses espíritos viciados em sexos que lhe acompanharam diuturnamente lhe aproximando de outras pessoas na mesma vibração empurrando-os para o sexo casual e estarão prontos para lhe receber após sua morte, para engrossar suas fileiras.

Você tem seu livre arbítrio, mas livra-se de uma cadeia vibratória de prazer carnal, o que pode ser muito difícil, pois o prazer é um das maiores sensações que experimentamos. 
Para um alcoólatra abandonar o vício é difícil, mesmo a bebida trazendo sempre grandes perdas, decepções e desprazeres, o vicio em prazer sexual é, portanto algo que pode ser muito mais difícil de ser vencido, tendo o primeiro passo, aceitar ou reconhecer  que pode ser um obsidiado.

Dois irmãos podem se amar sem serem “amantes” e dessa forma pessoas do mesmo sexo podem se amar sem serem pessoas vulgares ou promíscuas, respeite as diferenças ou diferentes, não julgue nem descrimine.  O espirito de um homem nesta encarnação pode ter habitado o corpo de uma mulher no passado e vice versa.

A luta começará em sua mente, é como se fosse uma semente de uma árvore, se quer que de bons frutos, plante em solo fértil e regue todo dia com água limpa.

Use sua inteligência, separe seus pensamentos, vigie seus desejos, e saiba que isso não é ser “careta” e ser forte e conseguir encontrar alguém nessa mesma sintonia. Poderá sentir o prazer acompanhado de amor e respeito, o que trará a paz interior.

Nos relacionamentos com amor, ao ser gerado filhos, estes receberão com certeza os cuidados e muito amor e carinho, pois essa é a essência, que vai de encontro à consciência ou razão.

E tudo começa na vibração de nossos pensamentos, acredite, tenha fé.  Cristo deixou uma frase que se tivesse fé do tamanho de um grão de mostarda moveria uma montanha.

Acredite e projete seus sonhos dentro do amor, visualize como se fosse um filme, acredite e corra o risco de encontrar seus sonhos.


Os falsos moralistas apontam o sexo como se fosse algo sujo, ou pecaminoso e isso não é verdade o sexo é uma das maiores bênçãos, pois através dos órgãos sexuais somos gerados e chegamos ao mundo através do órgão sexual da mulher, como poderia ser algo profano?

A maldade nasce da vibração do pensamento contrario ao amor.

Sair dessa trilha não é fácil, as mulheres normalmente sentem mais dificuldade após saírem dessas relações carnais, começam se achar sujas, usadas, chegando a rejeitar inconscientemente uma relação amorosa por não se acharem prontas para ser mãe, entre outros traumas, dando espaço a obsessores machistas e moralistas que acreditam que tenham de ser realmente punidas.

O caminho é vibrar no amor... Só o amor liberta.

Existe uma campanha para doenças sexuais do Ministério da Saúde
Faça sexo seguro, use camisinha.

Espiritualmente poderíamos criar uma campanha: "O Ministério Espiritual adverte e recomenda": Faça sempre amor, é muito mais seguro!    

Usar camisinha pode preservar seu corpo contra doenças sexualmente transmitidas, mas contra os aspectos emocionais e obsessores sexuais, não existe preservativos.

A não ser que você Faça Sempre Amor!

Cigano Zaron


Envie à 7 pessoas para ajuda-las e você alcançará seu pedido, ou poste no Facebook.